quarta-feira, 9 de maio de 2012

A alegria de Volta – Copa de 1950


2ª Guerra Mundial 
Após 12 longos anos de interrupção, na copa do mundo, causado pela 2ª Guerra Mundial finalmente a copa do mundo pode voltar a campo, trazia consigo alegria o fim de uma guerra cruel que carregava um número absurdo de mortos, feridos e sobreviventes que nunca mais seriam os mesmos após assistir a toda aquela tristeza e desolação. O povo mundial não só queria como precisa do retorno da copa do mundo.

Mudança da sede da FiFa
A sede da FiFasaiu da França e foi para a Suíça, onde está até hoje, para fugir do forte domínio alemão que lá estava, o país escolhido para sediar a copa foi o Brasil até porque foi o único candidato; os países europeus estavam destruídos demais pela guerra para poder receber um evento deste porte. Construção do maracanã com capacidade para 200,000 pessoas estava pronto para receber as seleções.

O Maracanazo (Maracanaço)
Desta maneira que ficou conhecida a última partida da Copa de 50, uma expressão latina criada durante a copa para provocar os brasileiros.

Brasil X Uruguai - 1x2
O Brasil precisava de um empate, embora naquela final não houvesse decisão o campeão de um quadrangular levaria a Taça. O Uruguai se tornou Campeão Mundial pela segunda vez e em cima do Brasil que dá um gosto mais especial a vitória a qualquer seleção do mundo.
Os brasileiros estavam afoitos, maracanã maior estádio do mundo na época, recebeu o maior número de pessoas em uma partida de futebol na história do Brasil. Políticos e imprensa estavam assediando a seleção que estava em plena concentração para a final. Segundo o goleiro do brasil, no dia da partida nem sequer almoçaram tamanho o assédio e claro a derrota foi atribuída a isto, foi uma grande tristeza para o povo brasileiro perder a taça, mas um evento que fez história e trouxe um pouco de alegria que o mundo precisava naquele momento.
Gols: Friaça(BRA), 2 (2ºT); Schiaffino(URU), 21 (2ºT) e Ghiggia(URU), 34 (2ºT)


Estatísticas da competição

Período: de 24 de junho a 16 de julho de 1950


Total de jogos: 22
Gols marcados: 88
Média de gols: 4,00 por partida
Artilheiro: Ademir de Menezes (Brasil) - 09 gols.
Público total: 1.336.984 pagantes
Média de público: 60.772 pagantes
Campeão: Uruguai

Seis cidades sediaram o torneio:
  • Belo Horizonte, Estádio Raimundo Sampaio (Independência)
  • Curitiba, Estádio Durival Britto e Silva (Vila Capanema)
  • Porto Alegre, Estádio dos Eucaliptos
  • Recife, Estádio Adelmar da Costa Carvalho(Estádio da Ilha do Retiro)
  • Rio de Janeiro, Estádio Jornalista Mário Filho(Estádio do Maracanã)
  • São Paulo, Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho(Estádio do Pacaembu)

Seleção brasileira

Barbosa, Castilho, Augusto, Nena, Juvenal, Bigode, Nilton Santos, Bauer, Danilo, Eli, Rui, Noronha, Friaça, Alfredo, Zizinho, Maneca, Ademir. Baltasar, Jair, Adãozinho, Chico e Rodrigues.

Por mim publicado no site FutMus em 23/03/2012